• abril 2014
    S T Q Q S S D
    « mar   maio »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930  
  • Categoria

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Twitter Blog Aécio Neves

Ministérios serão reduzidos pela metade, diz Aécio

Se for eleito, o senador disse que reduzirá de 39 para 20. Aécio comentou ainda que corre o risco de Dilma não chegar ao 2º turno.

Eleições 2014

Fonte: O Estado de Minas

Aécio cortará metade dos ministérios, ‘se for eleito’

“Se for eleito, e creio que o PSDB tem condições para isso, vou acabar com metade dos atuais 39 ministérios”, disse Aécio em palestra na Associação Comercial de São Paulo

senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou nesta segunda-feira, em palestra na Associação Comercial de São Paulo, que o Brasil vive hoje “uma perversa e perigosa herança”, resultado das gestões do PT. Depois de dizer, ironicamente, que o País não foi descoberto em 2003, numa crítica indireta ao ex-presidente Lula, o tucano disse que um dos maiores problemas que o Brasil enfrenta é a perda de credibilidade.

Nas críticas à gestão petista, o presidenciável tucano lamentou o fato de o governo ter apostando apenas no crescimento via consumo e disse que a inflação está alta, saindo do controle e o crescimento é pífio – o que, segundo Aécio, estaria prevenindo o apagão. Ele falou de mudanças que faria em um possível mandato. “Se for eleito, e creio que o PSDB tem condições para isso, vou acabar com metade dos atuais 39 ministérios e simplificar o sistema tributário”, afirmou. “Hoje há uma concentração absurda nas mãos da União”.

Aécio disse que o atual governo não administra o Brasil, mas governa as pesquisas eleitorais. E criticou o que classificou de aparelhamento sem limites no País, citando a Petrobras que, segundo ele, vive o pior momento de sua história. “Não é possível que o Brasil seja governado de forma perdulária”.

Aécio arrancou risos da plateia ao dizer que o ministro das Micro e Pequenas Empresas, Guilherme Afif Domingos (PSD-SP), é o homem certo no governo errado.

Aécio fala em 2º turno sem Dilma em palestra a empresários

senador Aécio Neves justificou que Dilma pode ficar fora do segundo turno das eleições em função da insatisfação com a gestão da presidente

Em palestra a empresários da Associação Comercial de São Paulo, o pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves (MG), fez duras críticas ao governo federal e chegou a dizer que acredita que a presidente Dilma Rousseff possa ficar fora do segundo turno, dada a insatisfação com sua gestão. O tucano disse já ter falado sobre o assunto com o ex-governador Eduardo Campos (PE), pré-candidato do PSB ao Planalto. Campos tem Marina Silva como vice e mantém uma relação amigável com Aécio. Em alguns estados, PSDB e PSB montaram juntos seus palanques.

“Eduardo e eu temos a responsabilidade de conversar. Não temos sequer o direito de não conversar. Esse é o fato novo dessa eleição. As oposições estão demonstrando maturidade. Não acho fora de propósito que podemos chegar nós dois ao segundo turno. O PT terá que trabalhar muito para não ficar fora do segundo turno”, afirmou. Aéciorepetiu diversas vezes que se sente preparado para assumir o país.

Aécio comentou ainda a tentativa de aproximação entre os tucanos e o ex-prefeito Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD. Domingo, o senador mineiro jantou na casa de Kassab, ao lado do governador Geraldo Alckmin e do ex-governador José Serra. No campo nacional, Kassab declarou apoio à reeleição de Dilma. “Foi um encontro entre amigos, não houve encaminhamento de decisão política”, disse Aécio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: